Deitados lado a lado, envoltos nas fadigas do dia.
Paisagem fresca e calma onde passam histórias irrealizáveis, o sono repousava sobre nós.
Nenhuma espada precisava de nos separar.
Um pé delicioso, pesando na minha perna, despertou-me. Reconheci o teu pé.
Soube então, por um homem e uma mulher que se conhecem, o que era estar deitado lado a lado.

FERNANDA, Ernesto Sampaio, Fenda
12.00 euros

16298672_717905775040182_6775237124970027672_n.jpg

Advertisements